Arquivo de Tag para 'Ana Lavratti'

Antunes Severo: O menino do arroio Itapevi – Livro na íntegra

Com atuação em inúmeras rádios, Antunes Severo, entre outros reconhecimentos, foi escolhido o Melhor Animador do Rádio do Paraná, em 1956, e novamente em Santa Catarina, no ano seguinte.

antunessevero-radio

Foi em Florianópolis, inclusive, que o radialista gaúcho passou a conciliar as carreiras dentro e fora do estúdio, participando da implantação de empresas e entidades de grande expressão, como a ADVB, onde foi presidente interino até a realização do primeiro pleito, a agência Propague, que agora assina a campanha do livro, e a Associação Catarinense de Imprensa, que fará o lançamento da biografia em várias regiões do Estado.

Severo com sua esposa “Preta”

Antunes Severo foi uma das personalidades mais conhecidas entre nós, através do rádio, da publicidade, da universidade, da vida pública e de sua imensa capacidade de fazer amigos. Porém, o que muitos poucos conhecem é o menino do Arroio Itapevi, humilde, sonhador, ousado, apaixonado e vitorioso.

Desde muito tempo as biografias, como gênero literário, despertam grande interesse nos leitores, entre outros aspectos, pelo inusitado que possam revelar. É o que a jornalista e escritora Ana Lavratti conseguiu neste livro. Com sensibilidade e leveza decompôs, em breves e entrecortadas narrativas, a vida de seu personagem, como se fosse montando um cronológico quebra-cabeças de curtos e sucessivos textos que acabam nos transmitindo uma imagem e um perfil do jovem menino do interior brasileiro que triunfa por sua determinação, no caso, por sua paixão pelo rádio e pela obsessão pessoal e profissional.

perfil-antunes-severo

Nascido pobre e trabalhando desde muito cedo para ajudar a família, sem poder estudar e somente quase aos quarenta anos concluindo sua formação universitária, deu a partida em sua saga de comunicador saindo de seu torrão natal para “fazer carreira” no Exército, assim como tantos outros brasileiros, como única chance que teve de deflagrar uma nova perspectiva de existência e sonhos. A partir de então sua encantadora trajetória é marcada pela sua irresistível motivação pelo rádio, como forma de se fazer sentir e chegar a muitas pessoas, de compartilhar sua natural vocação para a comunicação. Por trás deste homem, um grande e eterno amor manifesto por Pretinha, a sua inseparável companheira de jornada, e uma família.

antunes-severo-evento

Escrever a história de vida de uma pessoa não é fácil, mas quando ela não é apenas uma pálida passagem por este universo e se apresenta através de um belo texto, como o de Ana Lavratti, torna-se um verdadeiro encantamento que nos provoca admiração e serve de exemplo para tantas dificuldades que muitas vezes temos que enfrentar.

Sem dúvida, esse mundo em que vivemos tem a influência deste biografado de sucesso, um semeador de amizades e convivência harmoniosa, que, afinal de contas, é o que mais pesa no balanço final.

Portanto, boa leitura!

Clique no link para baixar o livro Antunes Severo, por Ana Lavratti (2012)

Livros para Rosalvo, Rosalina e Dilair da Casa Rosário

Estimada colega e amiga Ana Lavratti: Teu livro – Antunes Severo – o menino do arroio Itapevi – acaba de ser descoberto por amigos pessoais meus de Rosário do Sul/RS e isso me alerta para a possibilidade de uma nova edição. Agora mesmo acabo de atender o pedido de três pessoas com as quais convivi há mais de 60 anos quando trabalhei na Casa Rosário, importante loja de comércio de tecidos e roupas ainda existente no centro da cidade. Por se tratar de um evento que muito me alegra, transcrevo para ti e os leitores do meu blog e também do facebook, a carta que enviei para eles.

Caros Rosalvo, Rosalina e Dilair,

Em primeiro lugar, registro meu agradecimento ao primo e amigo Eloy do Prado Severo que me proporciona a oportunidade de conversar com vocês depois de passados mais de 60 anos de quando nos conhecemos, todos amparados pela família Simon Bronfman. Também faz parte dessas lembranças o Adão Feldman, na época trabalhando na Casa Rosário e que por confiar em mim, me recomendou para ser contratado como cobrador externo – que ia à casa dos fregueses receber as prestações – que às vezes estavam atrasadas.

Outro aspecto é que as minhas lembranças registradas no livro, podem não corresponder à realidade daquela época, nem as lembranças que vocês mesmos têm sobre os fatos ali narrados. O livro, tornado uma obra prima nas palavras da autora, jornalista Ana Lavratti, é entretanto, a expressão do que guardo de minha existência.

No livro, às páginas 38 a 42, me refiro ao momento em que comecei a trabalhar na Casa Rosário, como fui bem recebido e como sou grato pela confiança que em mim foi depositada. Sinceramente, me sentia como integrante da família e isso foi fundamental para minha formação como pessoa e como cidadão. Saí da Casa Rosário para cumprir o serviço militar obrigatório, onde fiz carreira durante três anos até me definir pela Comunicação, inicialmente atuando no rádio, no jornalismo, na televisão e na publicidade. Simultaneamente, fiz graduação, especialização e mestrado em Administração e fui professor por 20 anos, na Universidade do Estado de Santa Catarina até quando me aposentei para cuidar de outro sonho: a criação do Instituto Caros Ouvintes de Estudo e Pesquisa de Mídia, que vocês poderão acessar e conhecer em www.carosouvintes.org.br

Agora, chegando aos 84 anos (02 de agosto), estou me voltando para a vida familiar e para cuidados da minha saúde pessoal em honra a pessoas como Simão Bronfman e sua família que me ofereceram as bases da dignidade, ética e humanismo com que pretendo encerrar esta vida.

Abraço de carinho e muito afeto,

Eurides Antunes Severo

Florianópolis, 03 de julho de 2016

Caro Antunes

Prof. Luiz Carlos

Recentemente tive a oportunidade de ler sua biografia escrita pela jornalista Ana Lavratti e confesso que fostes e és uma lição de vida para qualquer pessoa nesse mundo. Vindo praticamente do nada e criando uma história de vida que deixará para as futuras gerações um marco e uma fonte riquíssima de exemplo de superação e conquistas. Parabéns amigo por esse exemplo de vida. Luiz Carlos Silva, professor de língua estrangeira no Colégio Educar e na Academia Washington ambos em Biguaçu/SC

Olá Antunes! Publiquei no meu blog sobre seu livro

Watson Zucco Weber

Tenho a honra de ser amigo de Antunes Severo, fundador da primeira agência de propaganda de Santa Catarina, um dos principais nomes do início da radiodifusão de Florianópolis. Antunes foi diretor de importantes veículos e entidades de comunicação e marketing, além de secretário de comunicação do Estado. Voltou a estudar na casa dos 30 anos e hoje é Mestre. Ano passado lançou sua biografia, escrita pela jornalista Ana Lavratti, que a poucos dias terminei de ler: Antunes Severo, O Menino do Arroio Itapevi.

Adorei ler o seu livro e recomendo como leitura fundamental pra quem quer conhecer a história da comunicação catarinense, relatada por quem é parte dela. Obra importantíssima para inspirar jovens em busca de seus sonhos. Sua história prova que o reconhecimento chega como consequência do trabalho feito com paixão.

Antunes é um exemplo, um ídolo, um guru. Obrigado Antunes por tudo que você fez e faz pela comunicação em nosso Estado!

Abraços! Saudações | Watson Zucco Weber | Diretor de Comunicação | Studio 20 Filmes | (47) 3340 2220 | www.vinte.net | www.supercomunicador.com.br